Bem vindos/as ao THArmyPT :]
Se gostas de Tokio Hotel e queres estar em contacto com as fãs,então aqui é o sitio certo para conviveres com tais ^^
Se ainda não estás inscrita,de que estás á espera? Faz já o teu registo e diverte-te Very Happy
Se já estás registada,faz o teu Log in e Live every second Razz

A Administração.



 
InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Cantoras de sorte...

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Jul 13, 2009 3:22 am

Meninas ou Raparigas, não sei como chamá-las, eu sei que raparigas é algo consideradamente bom em Portugal, aqui no Brasil é um xingamento, as mulheres ficam realmente irritadas quando chamadas de raparigas aqui! Very Happy rs

Continuando... Eu tô um pouco cheia de coisas para fazer nem muito tempo de escrever, vou tentar escrever 2 ou 3 capitulos, não abandonem a fic, férias me deixam um pouco preguiçosa ainda mais saindo todo dia! :DDDDDD
Mas eu irei postar amanhã sem atraso... PROMETO :*

Küss Luisa clown
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Jul 13, 2009 4:30 pm

fico a espera
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Ter Jul 14, 2009 10:11 pm

Gustav: “E
então já pensaram no que vocês farão?”


Tom: “É
pessoal não tem jeito.”


Georg:
“Contar ou não contar? Eis a questão!”


Bill: “Para
de bancar o poeta, senhor Shakespeare, não é um bom momento.”


Tom: “Chega
de estresse, espera pra ver a reação, isso se elas descobrirem, não é como se
de uma revistinha de fofocas fosse parar na TV também, é só uma noticia idiota
sobre o guitarrista mais sexy e foda de todos os outros!” falou ironicamente
com um sorriso brincalhão no rosto recebendo tapas na cabeça por todos, que se
levantaram um pouco depois rindo cada um pro seu determinado lado.


A manhã das meninas


“Ahhhhh,
acordem meninas!” Luisa disse entre bocejos e pulos na cama.


Ainda com os
olhos fechados por causa da luz, Isabelle reclamou. “Que droga Luisa, te deita
nessa cama e dorme como eu estou tentando fazer nesse instante.”


Luisa:
“Preguiçosas, levantem. Que dia lindo e adorável, não acham?!”


“Não mesmo.”
Disse Jessica tapando o rosto com uma almofada enquanto Luisa pulava no meio da
cama entre Isis e Isabelle.


“Não com
você pulando que nem uma louca interrompendo meus sonhos com o Taylor Lautner, quero
dizer, ele e o Georg.”


Luisa: “Meu
Deus Isis, tenha decência pelo menos uma vez na sua vida, traindo o Georg até
nos sonhos.” Disse parando de pular e colocando as mãos na cintura para
ironizar.


Isis jogou
uma almofada em Luisa com a intenção de jogar na cara da prima, mas acertou só
a sua coxa.


Isabelle se
levantou rindo, depois sentando-se e falou. “A cabeça dele vai cair com o peso
até o final do namoro.”


Jessica
abriu os olhos e riu também. “Até o final do namoro? Até o final da semana!”


Isis: “Calem
a boca por favor. Eu não faria isso com o meu docinho Georg.”


Todas deram
língua pra Isis, e se levantaram.


Luisa:
“Meninas 2 dias para o show precisamos, ensaiar, e comprar as roupas em 2
dias.”


Isabelle:
“Para o 1º e 2º show”


Jessica:
“Muita coisa para dois dias.”


Isis: “Ainda
nem acredito que vamos abrir o show de Paramore, até um tempo gritávamos ao ver
o clipe.”


Isabelle:
“Cantando e dançando.”


Luisa: “Na
sala da minha casa.”


Elas riam
lembrando tudo.


Jessica:
“Deviam ter filmado, assim eu poderia ter visto, já que não podia ir até lá
sempre.”


Luisa: “Mico
demais.”


Isabelle:
“Normal para nós.”


Isis:
“Mudando de assunto. Estamos nos atrasando, daqui a pouco o Rafael liga para
avisar que devemos ir ensaiar.”


Isabelle:
“Acho que os ensaios serão somente amanhã.”


Luisa: “Deve
ser mesmo”


Jessica:
“Assim poderíamos aproveitar hoje.”


Elas ficaram
pensando e se entreolhando por alguns minutos em silêncio.


Luisa: “Eu
tomo banho primeiro.”


Isis,
Isabelle e Jessica bufaram, resmungando algo baixo e inaudível.


Depois de 1
hora Luisa já tinha terminado de se vestir, e Isis estava no notebook, enquanto
Jessica tomava banho e Isabelle se maquiava.


Luisa:
“Quero sair pra algum lugar agora. Alguém vem junto?”


Isabelle:
“Eu vou com você” disse fechando seu estojo de maquiagem.


Isis: “Vou
tomar banho ainda, podem ir.”


Luisa: “Ok,
então vamos Belle.”


Isabelle:
“Eu gosto mais de Isa.”


Luisa:
“Tanto faz.”


Isabelle deu
língua e Luisa riu. Saindo do Hotel elas decidiram procurar uma cafeteria.
Luisa tentava seu inglês com alguns alemães, poucos entendiam, até que
finalmente uma senhora indicou um local afastado, mas não tão longe, e elas
seguiram até lá. Ás vezes elas agradeciam pelo fato de não serem conhecidas,
ainda, na Alemanha, não tinha assédio como no Brasil. Puderam fazer seus
pedidos e conversar em total paz, ficaram um tempo e depois foram embora.


Isabelle:
“Adorei esse lugar.”


Luisa: “Eu
também, temos que voltar aqui.”


Isabelle:
“Ah, olha uma banca, faz tempo que eu não vejo as notícias e fofocas. Quero
ver.” Disse fazendo uma carinha de cachorrinho abandonado com fome na chuva.


Luisa: “Tá
ok, mas depois vamos pra casa. Ou pro hotel. Você entendeu.”


Isabelle:
“Eba.” Disse alegremente fazendo Luisa rir.



-- Desculpa a demora, estou terminando outro capitulo e depois mando, sem falta... küss küss küss LUISA --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qui Jul 16, 2009 5:14 pm

quero mais sinhe?
amei
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qui Jul 23, 2009 5:26 pm

Gostei muito muito mesmo
Quero mais capítulos ok?
kuss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Jul 27, 2009 6:59 am

Isis e suas notícias


Jessica:
“Quando eu terminar de me arrumar Isis, você vai comigo tomar um café da
manhã?”


Isis: “Com
certeza amiga, estou me segurando pra na desmaiar aqui. Mas antes eu preciso
procurar noticias.”


Jessica:
“Olha lá no Perez Hilton as fofocas pra mim?”


Isis: “Ok.”


Jessica:
“Quero ver o que ta acontecendo no mundo dos mais famosos, que o Labirinto
Negro.”


Isis: “Oh
meu Deus...” disse, ou melhor dizendo, gritou assustando Jessica, mas ainda com
os olhos arregalados na frente do notebook.


Jessica: “O
que aconteceu Isis?”


Isis: “Eu
não acredito, o Tom, não pode ser, a Luisa tem que saber disso.”


Jessica: “Do
que Isis? Fala!”


Isis: “O Tom
é conhecido, tipo, famoso. Eu quase bati em um famoso, uau, e aquela rapariga
promíscua que eu bati é modelo, e a Luisa, está aqui com o Tom nessa foto e eu
nem sei quando foi isso, mas ela parece um pouco desconfortável nessa foto, não
é possível que ela não visse os paparazzis.” Falou rapidamente e depois ficou
boquiaberta, tentando absorver tudo.


Jessica: “E
porque esse tal de Tom é famoso?”


Isis: “Eu
não sei.”


Jessica:
“Ele nunca falou isso?”


Isis: “Acho
que não, senão a Luisa contaria.”


Jessica:
“Procura no Google sobre ele, ele é famoso, não é?!”


Isis: “Boa
idéia. Tom Kaulitz.” Digitou rápido e abriu a primeira página que falava sobre
ele.





Isis: “Ele
tem uma banda.”


Jessica:
“Legal. O que mais?”


Isis: “Ele é
guitarrista, de uma banda da Alemanha.”


Jessica:
“Obvio. Ele é alemão.”


Isis: “Xiu,
Tokio Hotel, esse é o nome da banda dele. Junto com o irmão gêmeo Bill.”


Isis abriu a
boca imensamente processando tudo, enquanto Jessica digitava Tokio Hotel no
Google.


Jessica:
“Olha Isis, esse tal de Bill, o amorzinho da Belle é vocalista, esse Tom é o
guitarrista, um tal de Georg Listing é baixista e...” Jessica ficou sem fala
ainda encarando o computador e Isis fez o mesmo.


Isis:
“Georg? GEORG LISTING? Esse imbecil namora comigo! E não me contou que é famoso
e ainda por cima tem uma banda que faz MUITO sucesso na Alemanha?! IMBECIL,
IDIOTA, MENTIROSO!” Isis berrava andando de um lado para o outro.


Jessica:
“Eu... Eu conheço o Gustav, eu gosto dele.” Ela falava mais pensando em voz
alta do que dizendo a Isis.


Isis:
“Otimo. Era o único idiota que eu não conhecia dessa banda. Ódio.”


Jessica:
“Esquece isso, vamos logo tomar café-da-manhã. Temos muito a fazer.”


Jessica
arrastava Isis para fora do quarto.


Isis: “Mas
por que eles não nos contaram. IDIOTAS.”



-- gente tá faltando algumas coisas dos dois capítulos seguintes, já estão escritos, mas a ISIS ,minha prima, vai acrescentar algo q ela escreveu! então até terça ou quarta de manhã vcs lêem esses dois capitulos a história vai ficar louca! --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Jul 27, 2009 4:39 pm

mais uma vez amei
continua
quero saber como é que elas vão reagir.
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Jul 27, 2009 5:52 pm

quero mais mais e mais
tives.te logo de parar aqui?
também quero saber como é que elas vão reagir
continua
bjs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Jul 29, 2009 12:58 am

Novidades


Isabelle
entrou na banca e pegou uma revista que falava sobre jovens bandas que faziam
sucesso no mundo todo, a revista era americana, fato.


Isabelle:
“Olha o Joe, Luisa.”


Luisa: “Ele
é lindo, mas por favor ANDA logo com isso. Compra logo ou deixa esse lixo aí.”
Ela falava sem muita importância e Isabelle deu língua.


Isabelle: “Blábláblá
Mcfly... Acho que vou passar essa parte.” A garota dizia com muita ironia,
fazendo Luisa tirar sua atenção das unhas mal feitas e olhar para a reportagem
da sua nova fixação. MCFLY.


Luisa:
“Volta. VOLTA!”


Isabelle:
“Tá bom.”


Luisa:
“AHHHHHHHH. LINDOS.” Ela gritava dando pulinhos alegres na banca. As pessoas
que passavam a olhavam com medos, algumas riam, outras andavam mais rápido e
o dono da banca que antes estava
assustado agora as fuzilava com o olhar por elas estarem assustando sua
clientela. Isabelle reparou e fez sinal para Luisa fazer silêncio, ela obedeceu
e depois fez uma joinha com a mão.


Luisa:
“Compra! Tá?” falava em meio a um sussurro e fazendo cara triste.


Isabelle:
“Tá bom. Mas deixa eu ver o resto da revista.”


Luisa: “Tá,
vai logo.”


Isabelle
folheava a revista até parar em uma reportagem.


Sucesso Alemão: TOKIO HOTEL!


BILL KAULITZ, Tom Kaulitz, Georg Listing e Gustav
Shäfer. Mais do que estilo, sucesso mundial.



Isabelle: “O
que? BILL KAULITZ?” Ela falava alto e fazendo com que Luisa fosse olhar a
revista novamente.


Luisa: “O
que tem ele? O quê? Ele é famoso e tem uma banda?”


Isabelle:
“Eles mentiram pra gente! MENTIRAM.”


Luisa:
“Vamos sair daqui Belle, compra essa revista e vamos.”


Elas pagaram
a revista e sairam da banca indo imediatamente para o hotel.


Isabelle:
“Como, Luisa? Por que não nos contaram? Me diz! Como puderam esconder? Estamos
aqui a um tempo, e já nos conhecemos o bastante para não ter segredos nem tão
secretos assim.”


Luisa: “Eu
não sei por que. Essa família Kaulitz é feita de idiotas, mentirosos e
desprezíveis. Agora sim completou minha alegria com eles. Eu já estava
totalmente alegre com o Tom, e até o Bill me irritou o suficiente.”


Elas
tentavam atravessar a rua cheia de carros, algumas vezes eles freavam fortemente.
Luisa já estava indignada e com muita raiva, pelos carros e por todo o resto.
Isabelle a olhava, algumas vezes afirmando com a cabeça, outras somente
tentando puxá-la para trás, só para evitar um atropelamento qualquer.


Luisa:
“Sinceramente não quero vê-los nem reluzindo ouro e diamantes na minha frente.
Humm se bem que alguns diamantes são até bons. O quê que eu estou dizendo? Eu
não quero ver nenhum deles aqui e nem em qualquer lugar.”


Nesse mesmo
instante, um carro freia bruscamente em Luisa, derrubando-a no chão, Isabelle
corre ao ver a prima no chão.


Luisa:
“Idiota, seu imbecil, essa carteira de motorista é falsa não é? Até um cego
dirige melhor!”


Isabelle:
“LUISA, está tudo bem? Seu braço tá sangrando, mas é bem pouquinho! Dói?”


Luisa: “Aii,
Belle! É claro que dói. Deixa algum carro te jogar no chão e você verá.”


Isabelle:
“Boba, cala a boca.”


“Me
desculpe, eu não consegui parar antes! Eu ajudo você.”


Um belo rapaz
- que aparentava ter uns 17 anos, olhos azuis, cabelos pretos meio moicano, nem
magro nem gordo, na medida certa, alto (que pessoa não era mais alta que Luisa,
todos, menos Jessica), e muito lindo - estendeu a mão para Luisa. Ela nem pode
recusar ao olhar para ele, ele era tão lindo como seu ídolo do Mcfly, Harry
Judd, e parecia com aquele seu primeiro amorzinho de infância o tal irmão de
Jessica, o primeiro namoradinho de Luisa, sim Zachary Brings Evans, ou como ela
gostava de chamar Zac. Esqueci de mencionar Zac e Jessica eram londrinos, mas
moraram um tempo no Brasil, metade do ano no Brasil e na outra metade Londres.
Eles namoraram desde os 10 anos até os 12, quando o pai de Jessica teve que
trabalhar em Londres e levou Zac deixando a mãe de Jessica e ela no Brasil,
para a filha continuar com os estudos.


“Luisa? É
você mesmo? A amiga de Jessica? Lembra de mim? Eu sei que fazem 6 anos. Zac, o
irmão da Jessie!”


Luisa:
“Ahh... Oi, Zac!” ela ficou nervosa e gaguejou o fazendoele rir e Isabelle
prender o riso com a mão na boca.


Zac: “Oi,
você continua linda como sempre.”


Isabelle:
“Não fale besteiras Zachary, você sabe que ela nunca foi tão bonita antes como
agora!” Eles riram e Luisa deu língua para a prima.


Luisa: “Cala
a boca.”


Zac:
“Isabelle? Que saudades sua maluca! Fazia tempo que não ouvia você falando
essas coisas engraçadas da Luh!”


Luisa: “Você
vai adorar ouvir. Elas continuam fazendo isso comigo.”


Ahh! E como ele
continuava lindo, só que melhor, ele ainda tinha sobre mim aquele poder intenso
de antes, e nosso “namorinho infantil” tinha sido bom o bastante e só tinha
acabado por infelicidade do destino e não por algo realmente ruim como
mentiras. E como eu odiava a mentira nesse momento e toda vez que eu pensava
nessa palavra eu lembrava do Tom de tudo o que ele falou, de tudo o que ele fez
e até no que poderia acontecer se eu me envolvesse mais ainda com ele.
Incrível, como quando eu pensava em Zac eu lembrava de todas as coisas boas da
minha infância e adolescência, ele era especial. E eu ainda sentia algo por
ele, minhas pernas estavam bambas só de sentir o hálito dele passar por nós,
mas espera um pouco, ainda estávamos na rua, no meio daquele caos e
engarrafamento na Alemanha. Acho que eu tinha esquecido de piscar, e até mesmo
respirar. “Acho que a pancada que você deu foi forte. Deve ter desregulado o
cérebro dela de vez, Brings.” “Mais ainda. Nossa só me chamam profissionalmente
de Brings, e apenas alguns.” Eles estavam falando e eu ainda estava mergulhada
nos meus pensamentos.



Luisa: “Eu
estou bem engraçadinhos, só preciso de um curativo pra esse braço.”


Zac: “Mais
uma vez me desculpe. Eu vou estacionar meu carro aqui e vamos para uma
cafeteria, eu pago um café para vocês! Se importam?”


Isabelle: “É
claro que não. Aceitamos sim.”


Luisa: “Bom
Zachary, eu não quero incomodar você. Mas seria bom tirar um tempo para
conversar.”


Zac: “Ok
então vamos.”


Luisa: “Eu
preciso avisar as meninas logo.” Ela disse pegando o celular e mandando uma
mensagem.


Jessie e
Izzy! Eu e a Belle vamos tomar nosso segundo café com o Zac, sim o seu irmão
Jessie, depois conto tudo para vocês. Beijos, qualquer coisa me ligue ou mande
mensagem. :* Luisa.



Isabelle:
“Então Zac, por que veio a Alemanha?!”


Zac: “Bom,
eu sou empresário de uma empresa de comunicações mundial, envolve revistas,
televisão e várias coisas comunicativas, tenho uma reunião. E, vim visitar a
Jessie, minha mãe falou que ela estava aqui, me deu o endereço do Hotel, e eu
não sabia antes mas ela me contou também que vocês tem uma banda. Verdade?”


Isabelle:
“Uau, empresário?! Legal. Sim temos a dois anos. E agora depois de um sucesso
no Brasil, viemos abrir o show de Paramore.”


Zac: “Eu
agendei esse show na Alemanha. Também trabalho com agendamento de shows na
Europa.”


Isabelle:
“Legal.


Luisa:
“Vamos indo!”


Zac:
“Vamos.”


Eles foram
andando e conversando. Até chegar na cafeteria, passaram um bom tempo lembrando
da infância e Luisa ficou um tempo calada e as vezes rindo um pouco. Ela ainda
sentia falta de Zac, e tinha um pouco de raiva por ele nunca ter voltado ou
ligado, mas ele nunca nem tinha notícias da própria irmã e nem da mãe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Jul 29, 2009 1:06 am

-- Oi sou eu a Isis uma das criadoras dessa fanfic que vocês tanto gostam, então eu criei umas coisas para a história!!!!
Deculpem-me a demora, mas queremos oferecer para vocês lerem o melhor!!!
Não queremos colocar qualquer besteira!!!

Um beijão e não se preocupem que não vai demorar para vir mais!!!

Outro beijão e não deixem de ler por favor!!!
:aiai:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Jul 29, 2009 7:03 pm

Mais uma vez amei!!
Posta mais rápido ok?
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Jul 29, 2009 8:42 pm

mais uma vez amei
esta linda
continua kuss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Ago 03, 2009 6:05 am

No Hotel


Elas ainda
estavam sentadas na mesa, mas já haviam tomado café-da-manhã


Jessica:
“Olha uma mensagem da Luh!”


Isis: “O que
ela diz?”





Jessie e
Izzy! Eu e a Belle vamos tomar nosso segundo café com o Zac, sim o seu irmão
Jessie, depois conto tudo para vocês. Beijos, qualquer coisa me ligue ou mande
mensagem. :* Luisa.






Jessica:
“Zac? Ahhh eu quero ver meu irmãozinho. Tomara que ele venha aqui.”


Isis: “Por
que ela não mandou uma mensagem pra mim?”


Jessica:
“Talvez por que você nunca esteja com o seu celular de manhã. Vai lá pegar pra
vê se ela mandou pra você.”


Isis: “Pega
pra mim!”


Jessica:
“Tá, mas só porque eu estou curiosa.”


Jessica
entrou no elevador, na mesma hora Tom entrou no Hotel encontrando Isis sentada.


Tom: “Isis,
eu preciso falar com a Luisa.”


Isis: “Ela
não tá aqui. E nem lá em cima. E garanto que ela não vai querer ver nenhum de
vocês quando ela souber do que vocês esconderam. Tipo a banda de vocês!”


Tom: “Pra
onde ela foi?”


Isis: “Não
posso dizer. E diz pro Georg pra ele me esquecer. Ninguém mente ou esconde algo
de mim assim.”


Tom: “Por
favor, Isis. Me diz pra onde ela foi?”


Isis: “Ela
foi pra uma cafeteria, com a Isabelle, e elas encontraram um amigo.” Falou alto
quase gritando com um tom de ódio.


Tom: “Ela
vai demorar?”


Isis: “Acho
que sim, e não vá atrás dela, ela não merece sofrer mais.”


Jessica:
“Isis, o Rafael ligou. Quem é esse? É o tal do Tom Kaulitz?” falou em português
fazendo Tom ficar com cara de confuso.


Isis: “É sim
o idiota do Tom, Jessica.” Isis respondeu em português e Tom bufou.


Tom: “Eu
preciso falar com ela. Eu volto mais tarde. Fala pra ela que eu venho a noite.”
Então essa é a Jessica.


Isis: “Que
seja. Adeus.”


Tom saiu de
lá, passando nas principais cafeterias da Alemanha, tentando olhar Luisa. Isis
contou a história toda a Jessica.


Jessica:
“Aii, mais problemas.”


Isis: “Eu
acho que a Luisa ainda gosta do Zac, porque ela nunca mais teve um namorado de
mais de alguns meses depois do Zachary. E o que você ia falar?”


Jessica:
“Ahh o Rafael ligou dizendo que amanhã nos ensaiaríamos em um lugar reservado,
e que ia mandar um cartão com alguns euros para gastarmos no que quisermos usar
na abertura dos dois shows.”


Isis: “Uhu,
isso que é vida boa.”


Ela falou em
português, já levantada rebolou um pouco, fazendo todos se virarem para
olhá-la.





Na cafeteria


Já na porta
da cafeteria, eles se despediam.


Luisa: “Vai
ver a Jessie, agora ou depois?”


Zac:
“Depois, agora é minha reunião, mas vou passar mais tempo aqui. Acho que uma
semana.”


Isabelle:
“Visite-nos sempre, nossos quartos são uns dos lados do outro.”


Zac: “É
claro.” Deu um beijo na testa da Isabelle e depois se aproximou de Luisa.


Isabelle:
“Vou chamar um táxi Luh.”


Luisa:
“Então depois nos vemos por aí.” Ela dizia com um olhar triste.


Zac: “Que
tal hoje a noite?”


Luisa: “O
quê?”


Zac: “É um
convite para jantar comigo, para ser mais exato.”


Luisa: “...
Acho que sim, se não for incomodo”


Zac: “Você
nunca foi um incomodo, sua boba.”


Luisa corou
um pouco encarando o chão, ele levantou o rosto dela com uma mão em seu queixo,
se aproximou beijando a testa de Luisa e a abraçando rapidamente.


Zac: “Te
pego as 7.”


Isabelle:
“Vamos Luh.”


Luisa:
“Adeus Z.”


Zac: “Adeus
L.”


Eles ainda
lembravam os antigos costumes. De se chamar pela inicial, principalmente quando
se despediam. L e Z. Eles não tinham visto o T, quero dizer, o Tom, ele tinha
visto o abraço e o aproximamento dos dois. Isabelle tinha o visto, mas fingido
não ter notado. Ele tinha ficado desapontado. O que os olhos vêem o coração
sente, não é Tom Kaulitz?





(Dentro do
táxi)


Isabelle:
“Isis, me mandou uma mensagem, ela disse que Rafael mandou um cartão, então
vamos até lá buscar ele e ir as compras, amanhã tem ensaio. O Tom foi atrás de
você. E eu o olhei antes de sairmos da cafeteria. Ele viu você e o Zac, mas
acho que ele entendeu errado. E ela já sabe da banda deles.”


Luisa:
“Ahhh, tudo sempre dá errado quando tudo está tão bom.”


Isabelle:
“Mas alguma coisa melhora, sempre melhora. Tipo compras, com euros na conta de
um cartão, quase sem limites.”


Luisa: “Eba,
uma noticia feliz.”


Elas se
entreolharam e depois de um tempo quebraram o silêncio, saindo do carro.


“COMPRAS.”


Isis:
“Nossa, que animação.”


Isabelle: “E
tem por que estar triste?”


Jessica:
“Cadê o meu maninho? O que fizeram com o Zac?”


Luisa: “Ele
foi a uma reunião.”


Isabelle:
“Seu irmão é um empresário muito gato e gostoso querida, que orgulho não é?!”


Jessica:
“Herdou tudo o que eu tenho!”


Elas riram
dando um pedala em Jessica, que deu língua.


Luisa: “Ele
vem a noite.”


Jessica:
“Para me ver?”


Luisa: “Acho
que também.”


Isis: “E
qual seria o outro motivo?”


Luisa: “Para
me levar para jantar!”


“Own” “Ahh”
“Oh... que fofo!”


Elas falaram
ao mesmo tempo e Luisa corou.


Jessica:
“Fala pra ela Isis.”


Jessica
sussurrou na tentativa de Luisa não ouvir.


Luisa:
“Falar o quê?”


Isis: “O Tom
disse que precisa muito falar com você, acho que ele pensou sobre tudo o que
fez e disse. E também quase implorou.”


Luisa ficou
em silêncio e elas a olharam a espera de uma resposta.


Luisa: “Não,
eu não quero falar com ele agora, ele mentiu também. Além de tudo ele escondeu
que tinha uma banda.”


Isabelle: “Mas...
Só tenta conversar.”


Luisa: “Ele
vai esperar um pouco.”


Jessica:
“Ouve o que ele tem a dizer e toma suas conclusões depois.”


Luisa apenas
afirmou com a cabeça.


Isabelle:
“Cadê o cartão?”


Isis:
“Pega.” Ela falou já entregando o cartão prateado com a palavra V.I.P. Os olhos
de Isabelle brilharam ao olhar o cartão.


Jessica:
“Nós vamos ficar aqui um tempo e quando vocês voltarem, nós iremos às compras.
São só dois dias comprem somente o necessário e algumas coisinhas a mais,
talvez tenhamos festas para ir.”


Luisa: “Yes”


Isis:
“Divirtam-se girls!”


Isabelle: “Sempre.”


Tom falando com os meninos


Como ela pode fazer
isso comigo? Será que ela descobriu algo da banda? Ahh é, a Isis disse algo
sobre mentir!



Tom foi
chegando em casa e encontrou Georg e Gustav jogando Guitar Hero.


Tom: “Vocês
nem acreditam no que aconteceu.”


Georg:
“Aconteceu algo com minha linda?!”


Tom: “Não,
mas acho que as meninas já sabem que somos famosos.”


Gustav: “Que
meninas?”


Tom: “A
namorada do Georg, a Isis, a Luisa, a Isabelle e a Jessica que é baterista
delas.”


Gustav:
“Jessica? Baterista? Ela é brasileira e tem os cabelos ondulados, e muito
baixinha, mas do que eu?”


Tom: ”Sim,
sim, sim, sim, sim absolutamente!”


Gustav: “Oh
Meu Deus ela é amiga das doidas que vocês pegam?”


Georg: “É, tu
a viu? Ela é bonita?”


Tom: “Sim,
muito bonita, mas o que mais importa agora, é que elas estão com muita raiva,
muita raiva mesmo.”


Georg: “Só
porque não contamos nada banda pra elas?”


Gustav: “Não
me metam nisso, Jessica já sabia que eu tinha uma banda.”


Tom e Georg
olharam pra Gustav com cara de derrota.


Tom pega o
telefone e diz com deboche pra Georg:


“É melhor eu
ligar para encomendar seu caixão Georg!”


Georg: “Por
que está dizendo isso?”


Tom: “Se a
Isis ia me socar a cara só porque magoei a prima dela, imagina o que ela vai
fazer com você!”


Georg
engoliu seco e falou.


“Sem pânico.
Em vez de preocupasse comigo, deverias ir falar com tua miúda porque ela também
não é nem um pouco fácil de se convencer”.


Tom: “Não é
assim também, pelo jeito ela já estas com outro puto.”


Georg:
“Porque estas a dizer isso?”.


Tom: “Porque
a vi sair com um rapaz de uma cafeteria, ela estava até feliz da vida”.


Georg: “Mas
ela já sabe de alguma coisa?”


Tom: “Pelo
que a tua Isis me disse, ela já sabe. E ate me disse para você a esquecer e
nunca mais a vela e nem falar com ela e ainda completou dizendo que eu também
deveria ficar bem longe da Luisa. O que vamos fazer Georg? Vamos perder nossas
miúdas!”


Gustav: “Que
tal vocês se vocês puserem seus míseros cérebros para funcionar?”


Tom: “Então
fale o senhor gênio”.


Gustav:
“Estamos todos ferrados, Georg vai direto para debaixo da terra, você Tom nunca
vais conseguir namorar a garota que tu queres o Bill nunca vais tomar coragem
nem hoje nem amanhã de declarar-se para a garota que tanto amas e eu vou acabar
perdendo a amizade com minha Jessica! Então o melhor que temos de fazer agora
é...”


Tom: “O que
fales de uma vez!”


Gustav:
“Vamos nos resolver com elas, falar com elas, nos explicarmos, tentarmos
explicar tudo para elas para que não fiquem com raiva de nós.”


Tom: “Ei
cadê o meu irmão? Cadê o Bill porque ele não estas em casa?”


Georg:
“Calma irmãozinho mais velho preocupadinho, Bill saiu foi descansar um pouco!”


Tom: “É
melhor falarmos com ele, lhe explicar a situação!”


Gustav: “Vão
logo atrás de suas miúdas enquanto eu mando a mensagem para Bill explicando
tudo.”


Tom: “Então
tudo bem até já!”


Gustav:
“Até”.


Georg:
“Sorte!”


Gustav:
“Digo o mesmo para os dois”


Eu e Georg
saímos em direção á nossos carros e fomos atrás de nossas respectivas miúdas!






-- OBRIGADA POR TODOS OS COMENTÁRIOS E PELAS VISITAS, DESCULPE A DEMORA PRA PORSTAR, ESPERO QUE CONTINUEM A LER E QUE GOSTEM, NÃO QUERIA TER QUE TERMINAR ESSA FAN FIC, MAS ESTÁ QUASE NO FIM, EM BREVE OUTRAS, JÁ ESTAMOS ESCREVENDO MAIS! DANKE, KÜSS, LUISA! lol! --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Seg Ago 03, 2009 2:00 pm

amei, amei, amei
continua
espero bem que haja mais fics.
kuss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Ter Ago 04, 2009 1:32 pm

Amei amei amei
também espero que haja mais fics
continua rapido
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Ago 05, 2009 2:54 am

Gustav e Jessica


Eu tenho que ficar com
Jessica, os meninos não sabem mais eu a beijei no festival, foi tão bom que a
desejo todos os dias, eu a quero muito.



Ao pensar
nisso tudo Gustav começa a suar muito, ele se levanta e liga o ventilador e
começa a escrever a mensagem para o Bill. Após terminar ele resolve ligar para
Jessica.


Jessica e
Isis


Jessica:
“Isis vamos. Estamos exagerando demais nas compras!”


Isis: “Tá
ok”


O celular de
Jessica começa a tocar e ela nota que é o Gustav e atende com muita rapidez.


Jessica:
“Alô?”


Gustav: “Eu
iria morrer se não escutasse se voz mais uma vez”


Jessica: “Eu
estava pra morrer só de pensar em você!”


Gustav:
“Onde tu estas agora?”


Jessica:
“Estou a fazer compras”


Gustav:
“Estas a sair?”


Jessica:
“Estou a sair agora”


Gustav: “Vou
lhe dar minha endereço por que não posso mais sair!”


Jessica:
“Não te preocupes eu irei”


Jessica
anotou o endereço para poder ir até ele e logo após explica tudo para Isis e
sai.


Chegando
lá...


Jessica bate
na porta e Gustav a atende dando-lhe um apertado e bom abraço.


Gustav:
“Entre, preciso falar com você!”


Jessica:
“Claro!”


Eles dois
sentam no sofá e Gustav interrompe o silencio dizendo:


“Jessica eu
tenho uma banda chamada Tokio Hotel!”


Jessica: “Eu
fiquei sabendo!”


Gustav: “É melhor
eu te contar tudo para não imitar os meus amigos e mentir para a garota que
ama”. Gustav fala toda essa frase olhando nos olhos de Jessica.


Jessica:
“Você disse a garota que ama?”


Gustav:
“Foi!”


Jessica:
“Gustav então quer dizer que você...”


Gustav: “Sim
Jessica eu a amo!”


Jessica fica
paralisada e sem reação!


Gustav:
“Estas bem?”


Jessica: “Eu
não sabia que tu me amavas! Fiquei surpresa com tudo isso e não tem problema
você ter uma banda de sucesso eu também tinha uma banda que tinha uns fãs, eu
entendo o que você estás querendo me dizer.”


Gustav: “Vou
fazer algo que estou afim de fazer, mas quero sua permissão!”


Jessica:
“Pode pedir”


Gustav:
“Posso te beijar? Seus lábios estão me fazendo subir pelas paredes!”


Jessica:
“Você não está desejando um beijo mas que eu!”


Gustav:
“Então vais deixar?!”


Jessica: “É
claro que pode! Mas...” Falou interrompendo os lábios de Gustav.


Gustav: “O
que foi? Estou com mau hálito?”


Jessica:
“Não é nada disso. Tem que me prometer que o beijo vai ser longo!”


Gustav: “Te
prometo pela minha alma!”


Eles se
beijão apaixonadamente e demorou muitos minutos que até pareciam horas pela
intensidade e desejo misturados com paixão, tão envolvidos que esqueciam-se de
respirar. Jessica para de beijá-lo já sem fôlego.


“Gus. Tav.
é. Melhor. Nos. Voltarmos. A. Conversar.” Ela fala cada palavra dando uma
respirada. Gustav deu uma risada e diz:


Gustav: “E
olha que foi você que me pediu para o beijo ser longo!”


Jessica:
“Nossa você beija muito bem, um dois melhores beijos que já recebi até hoje!”


Gustav:
“Jessica...” Gustav se ajoelha diante de Jessica a segurando as mãos e
colocando seu boné no chão e dizendo.


“Jessica a
prometo aqui e agora que a farei feliz em todas as situações, não importa o que
aconteça eu sempre ficarei com você sempre ou até quando durar. Então queres
namorar comigo?!”


Jessica com
lágrimas nos olhos diz:


“É claro que
sim!”


Ela se
ajoelha na frente de Gustav e o beija, um beijo com muito amor.


Gustav: “Eu
te amo meu amor!”


Jessica: “Eu
também te amo, my baby!”


Gustav: “Vou
levar você para conhecer minha irmã ta!”


Jessica:
“OK, mas antes deixe lavar meus olhos!”


Gustav: “OK,
vou tomar água!”


Depois os
dois sairão e Gustav levou Jessica para conhecer seus familiares. Eles acharão
Jessica ótima e a irmã de Gustav gostou muito da cunhada.





Bill na praça, como se fosse à
primeira vez.



Fui para praça onde
conheci Isabelle, precisa pensar. Eu sou um fracote, não tenho nem coragem de
declarar-me para a garota que gosto. Ela daqui a pouco cansasse de mim.



Sento no
banco onde Isabelle estava sentada quando a vi pela primeira vez. Fico lá só a
pensar nela, depois de uns minutos aparece uma velhinha ao meu lado e pra falar
a verdade nem dava medo, muito pelo contrário ela estava muito arrumada, tinha
olhos azuis, cabelos grisalhos e parecia muito simpática.


“Meu rapaz
está se sentindo bem?”


Bill: “Estou
sim, e agradeço por não me chamar de mulher. Porque é o que todos imaginam
quando me vêem pela primeira vez.”


A senhora dá
uma risadinha baixa e diz.


“Você está
apaixonado não é?”


Bill: “Como
a senhora sabe?”


“Vejo em
seus olhos.”


Bill: “Estou
apaixonado sim, já me declarei por um papel, mas não sei dizer a ela o quanto a
amo de verdade.”


“Pelo papel
não adianta, se você a ama de verdade, vais tomar coragem e dizer pra ela o
quanto a ama com palavras que saiam de sua boca.”


Bill: “Está
aí o problema, toda vez que eu tento minha boca não se mexe, não consigo dizer
sequer uma palavra.”


“Vou lhe dar
uma opinião.”


Bill: “Então
diga.” Ele virou-se todo animado para ouvir.


“Você a
convida para ir a sua casa e arruma tudo, compra-lhe um buquê de flores,
prepara-lhe um jantar...”


Bill
interrompe a senhora com uma leve risadinha.


“O que foi
meu jovem?”


Bill: “Nem
sei cozinhar?”


“Procure um
livro de receitas, e faça qualquer coisa, ela vai adora comer algo que venha de você.” [duplo sentido... HÁ Very Happy]


Bill: “Ótima
idéia, muito obrigada senhora.” Quando Bill, se vira para pegar o celular e
fazer uma ligação para o amigo Gustav, repara que está só na praça, a velhinha
havia sumido de seu lado.


Bill:
“Senhora?”


Bill
estranha, levanta-se e vai cantando até seu carro.








Ich will
da nicht allein sein

(Eu não quero ficar aqui sozinho)



Lass uns
gemeinsam



(Vamos
ficar juntos)
In die nacht



(Está
noite)






Irgendwann
wird es zeit sein



(Qualquer
dia vai chegar a altura)






Lass uns
gemeinsam
(Vamos
ficar juntos)



In die
nacht

(Está noite)






Shopping, girls!


Elas saíram
pegaram um táxi e foram até o shopping. Entraram em várias lojas.


Luisa: “O
que eu devo comprar pro show?”


Isabelle:
“Uma coisa bem rock! Tipo isso!” ela disse apontando para uma blusa rosa com
detalhes prata e com algumas palavras escrita.


Luisa: “É
linda. Leva, Belle!”


Ela entrou
no vestiário, e saiu de lá com a blusa rosa que tinha ficado perfeita, era
curta e deixava a barriga aparecendo, Isabelle não tinha vergonha, pois era sua
parte preferida do seu corpo.


Depois de 2
horas no shopping, comprando várias coisas, elas saíram de lá. Foram no salão,
fizeram o cabelo, e as unhas.


Isabelle:
“Luh, você não comprar nenhuma roupa para sair com o Zac?”


Luisa: “Eu
devo?” ela fez uma cara de dúvida.


Isabelle: “É
claro aproveita. MONEY.”


Elas riram
indo em direção a uma loja.


Isabelle:
“Diz pra mim que você vai levar?”


Isabelle
olhava boquiaberta para Luisa que se olhava no espelho fazendo caretas.


Luisa: “Eu
não sei, ficou muito colado. E olha meus seios estão quase saindo desse
vestido.”


Isabelle:
“Sua boba, você tá linda, imagino a cara do Zac quando te olhar.”


Luisa: “Fala
sério, olha a minha bunda, parece que o preto me aumenta.” Falou fazendo careta
r se olhando no espelho.


Isabelle:
“Tá um arraso.”


Luisa: “Ok
vou levar.”


Isabelle:
“Humm, leva esse sobretudo também.” Isabelle apontou para um sobretudo azulado,
com botões pretos.


Depois de
alguns minutos voltaram para casa. Isis e Jessica foram rapidamente pegando o
cartão e saindo de lá. As meninas foram para o quarto de Luisa jogando-se na
cama depois de guardarem tudo.


Luisa:
“Belle?”


Isabelle:
“Oi!”


Luisa: “Eu
ainda sinto algo pelo Zac, só não sei o quê!”


Isabelle:
“Talvez só seja saudades.”


Luisa: “É,
talvez.”


Isabelle:
“Luh, eu vou ao meu quarto guardar as minhas coisas.”


Luisa apenas
afirmou em um sussurro baixo. Depois de alguns minutos foi tomar um banho. Seu
cabelo estava preso em um coque um pouco solto, e algumas mechas da franja
solta em seu rosto. Vestiu o vestido que havia comprado. O vestido era
tomara-que-caia preto com renda opaca, juntava o busto, era quase um
espartilho, mas era um vestido, e colado ao corpo, alguns espaços da renda
deixavam sua pele descoberta, uns espaços transparentes. Não era curto era na
metade de suas coxas. E ela calçava sua sandálias azuladas na mesma tonalidade
que seu sobretudo. Enquanto terminava de passar seu batom vermelho opaco, ouviu
batidas na porta. E pensou ser Isabelle.


Toc Toc Toc.


“Tá aberta!”


“Luisa?”


Rapidamente
Luisa reconheceu a voz, virou para vê-lo e depois continuou sua maquiagem.


Luisa: “O
que você quer Tom? Não já se cansou de brincar comigo.”


Tom: “Eu
quero me desculpar, eu agi errado, pensei errado e falei coisas para você que
não deveria. Por favor, me perdoe se te magoei, mas eu nunca brinquei com você.
Eu nunca quis te magoar.”


Luisa: “Se
são desculpas que você quer. Então está desculpado, mas não aja como coitado. Até
entendo que estivesse com raiva, mas eu não precisava ouvir aquilo. E beijar
aquela garota (lê-se vadia) na minha frente para me irritar, isso é muita
idiotice para um só dia. Além de tudo você, seu irmão e o Georg mentiram, ou
omitiram não nos contaram quem eram realmente. Acha que não é importante saber
que vocês têm uma banda, não é como se fosse somente alguns dias que nos
conhecemos, já faz um tempo não é? Vocês sabem muito sobre nós. Muito mais que
nós sobre vocês!”


Tom: “Luisa,
nós tínhamos a chance de não ter ninguém interessado só na nossa fama, não que
isso não fosse bom as vezes, mas pela primeira vez não éramos somente
integrantes de uma banda famosa e com privilégios e dinheiro. Nós éramos
somente nós mesmos. A muito tempo sentimos falta disso. Pela primeira vez senti
o que era alguém quase gostar de mim. Talvez vocês nunca entendesse o que fosse
o nosso trabalho.”


Luisa: “Tom?
Vocês acham mesmo que nunca iríamos entender que vocês têm shows, fãs e fama.
Por favor, vocês talvez só quisessem ter a chance de ter umas idiotas com vocês
e depois ninguém vê-las por aí em revistas. VOCÊ deve ser assim não é. Já deve
ter dormido com várias fãs e se aproveitado delas. Mas talvez comigo, fosse
bom, por que eu nem ao menos sabia nada de você! Ia ser mais uma idiota, só que
dessa vez desapareceria mais rápido de sua vida.”


Ela
levantara para pegar seus brincos no banheiro.


Tom:
“Luisa...” ele disse paralisado ao ver Luisa, vestida daquela forma. Estava
linda, mais do que nunca, ou sempre.


Luisa:
“Esquece, me esquece, acha que eu iria querer alguém que nem ao menos
acreditasse em mim ou que mentisse pra mim, eu nunca ficaria como alguém como
você Kaulitz, fica longe de mim. E com licença, eu tenho um compromisso.”


Ela foi até
a cômoda após sair do banheiro, abrindo a gaveta perto de Tom que estava
sentado em sua cama. Ela pegou seu colar com um pequeno coração prata.





Tom: “Você
precisa me ouvir. O quê? Você vai sair com aquele cara da cafeteria não é? Ele
não é daqui. O que ele é pra você? Você nem ao menos tenta me escutar.”


Luisa: “Não
eu não preciso. Vou, ele é... Ele era... Ele era meu namorado antigamente, a
muito tempo, e nós somos SÓ amigos. Se não se importa! Eu realmente preciso
ir!”


Ele a olhava
sem reação. Ela segurava a porta para ele, que se levantara da cama segurando a
porta também.


Tom: “Não eu
não quero, eu não vou deixar você ir, você não pode sair com ele. Eu preciso
conversar com você direito. Me ouça.”


Luisa: “Tom.
NÃO. Eu vou sair, não tenta mandar em mim, você não manda em mim. SAI DAQUI. Eu
não quero te ouvir.”


Tom: “Luisa!
Luisa!”


Isabelle,
chegou no quarto rapidamente.


Isabelle:
“Tom, por favor, saia, depois você fala com ela. POR FAVOR.”


Ele ainda
olhava Luisa, com um olhar triste e lagrimado. Luisa abraçava Isabelle ainda o
encarando e às vezes fitando o chão. Então Tom sussurrou “Você está linda!” e
saiu do quarto em direção ao elevador. Luisa tentava controlar as lágrimas que
estavam em seus olhos. E Isabelle passava as mãos em sua costa tentando acalmá-la.


Isabelle:
“Luh! Não fica triste. Vai sair com o Zac, ele já ligou para a portaria pedindo
para avisar que ele está lá embaixo. E eu tenho algo para te contar.”


Luisa: “Tá.”


Isabelle:
“Olha isso.” Isabelle entregou um cartão a Luisa que abriu e leu a seguinte
frase.


Isa, não
tenho palavras para o quanto você significa agora. Então eu prefiro dizer.



“Ne, du bist nicht nur hübsch


Du bist mehr für mich


Ich liebe dich”


Te darei
o significado, algum dia.



Bill





Luisa:
“Temos que conversar com eles?” ela falou em dúvida com um pouco de ironia.


Isabelle:
“Isso!” elas riram e depois ficaram em silêncio, Isabelle a observava dos pés a
cabeça.


Luisa: “O
quê? Estou tão horrível assim?”


Isabelle:
“Pior, está mais bonita que eu.”


Luisa
gargalhou. “SEMPRE FUI.” Disse saindo do quarto e fechando depois de Isabelle
sair.


Isabelle:
“Tchau. Boa sorte, não faça nada do que eu não faria.”


Luisa: “Ok.”

-- Caraca, oq a Luisa deve fazer?! Ficar com o Tom ou o Zac?! O.o Deixar o Tom sofrer pra variar um pouco serve também como opção... Very Happy OBRIGADA pelos coments, DANKE girls! Sim 3 fics sendo escritas nesse momento, 1 de cada garota! Espero que gostem das próximas, e continuem lendo essas! P.S: uma nova pessoa vai entrar na história, daqui a pouco, mt odiada e loira e acho q americana, Chantelle Paige, sério girls eu odeio ela e muito mesmo, mas ela vai divertir a história e surpreender a todos com o final da participação. KÜSS
LUISA --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Ago 05, 2009 4:03 am

Gostei muito mesmo muito..AMEI
Eu se fosse a Luisa fazia sofrer um pouco o Tom,para pensar no que fez e depois ficar com ele Twisted Evil mas isso é a minha opinião..
Claro que vou ler as próximas,eu quero mesmo ler =)
Eu também odeio mesmo muito essa gaja..Tou super-hiper-mega-ansiosa =D
Continua
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Ago 05, 2009 2:35 pm

gostei mesmo muito, aliás amei
se fosse eu tambem fazia sofrer mais um pouco o tom mas tu é que sabes
eu estou tambem muito curiosa para saber o que vai acontecer.
nao sao as unicas que detestam essa gajinha
eu tambem nao a posso ver a minha frente sequer.
continua
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Heartless.
Fundadoras
Fundadoras
avatar

Número de Mensagens : 983
Idade : 26
Localização : Chicago ;)
Membro preferido: : Thomas, the sexgott.
Música/Video : Todas são optimas!
Sou fã desde: : 6 anos, babe (:
Data de inscrição : 15/08/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qua Ago 05, 2009 5:38 pm

Amei completamente *-*
Ai djisase, a loirissima Chantelle Paige?
Isto vai ser tão divertido 8D

Ps: temos de deixar de ter ódio da gaja, não vamos a lado nenhum.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qui Ago 06, 2009 4:46 am

Isis e Georg em pé de briga


*Pensamentos da Isis*


Eu voltei das compras
com muitas roupas lindas e sentei na cama e tentei esquecer tudo o que tinha acabado
de descobrir e como estava tudo uma bagunça, como toda a minha felicidade de
estar namorando Georg estava fugindo de mim não conseguia mais pensar em nada,
só queria entender tudo aquilo que estava acontecendo, era pra ser apenas 1 mês
e meio para abrir um show. Nunca pensei que fosse nos acontecer isso.



**





Enquanto
pensava em tudo aquilo lágrimas incontroláveis escorriam em meu rosto, eu podia
senti-las quente em meus olhos, não sabia se estava com raiva ou com muita tristeza.
Só queria desaparecer.


Chorava
muito, e escutei baterem na porta e estou a ir em sua direção para abri-la
limpando as lagrimas que não se aquietavam. Ao abrir tenho uma surpresa Georg
na porta.


Isis: “O que
queres aqui?”. Ele entra e fecha a porta e ficamos de pé olhando um para o
outro.


“Só quero
lhe explicar todo esse mal entendido que aconteceu”.


Isis: “O que?
Mentir para mim? Eu não chamo isso de mal entendido e sim como uma falsidade”.
Falava com lagrimas escorrendo em meu rosto com mais rapidez.


Georg: “Por
favor, não fique assim sabe o quanto isso me machuca?”. Ele também já estava
chorando.


Isis: “E
você sabe o quanto me machucou com o que aconteceu? Por quanto tempo pretendia
me esconder de que tinha uma banda? e...e...”.


Georg: “Eu e
os meninos já estávamos cansados das garotas ficarem conosco só por grana ou
por sermos famosos, só estávamos com medo de vocês nos tratarem de outra forma
depois que ficassem sabendo.”


Isis: “Georg
você sabe o quanto eu amava você? Você sabia o quanto estava apaixonada? E o
quanto me deixou feliz ao me dar esse anel e me pedir em namoro? Sabe o que é
estar toda despedaçada por dentro? Você está me fazendo sofrer! Muito!”.


Eu caio com
os joelhos no chão, não estava mais agüentando pensar que iríamos terminar e que
não estava mais dando certo. Georg se senta encostando-se na parede e me
puxando para seu lado.


Georg: “Eu
te amo tanto a ponto de desistir de mim, se terminarmos aqui não conseguirei
mais tocar na banda, nem fazer qualquer outra coisa”.


Isis: “Por favor,
não comece a falar igual a Edward Cullen!”.


Os dois
riram baixo, mas no mesmo tempo.


Georg:
“Agora falando sério eu te amo de verdade, muito, muito!”.


Isis: “Então
quer dizer que esse anel não foi de brincadeira?”.


Georg:
“Nunca foi e nunca será.” Ele fala beijando minha mão em seguida meu rosto e
depois percebemos os dois de que não estávamos mais agüentando ficarmos sem nos
beijar, e finalmente os nossos lábios se juntam e parecia que não haveria o
amanhã.


Isis: “Eu te
amo muito!”


Georg: “Eu
também e desculpe ter escondido uma coisa tão seria de você!”


Isis: “Vamos
fazer um juramento agora?”.


Georg:
“Vamos, qual é?”.


Isis: “Nunca
mais em nossas vidas iremos mentir ou esconder nada um do outro.”


Georg:
“Prometo pela minha alma.”


Nos beijamos
novamente e Georg me pega em seu colo me levando em direção a cama do hotel me
deitando nela, eu interrompo falando:


“Tomara que
o resto do pessoal se resolvam logo”.


Georg: “É
melhor mesmo Tom e Luisa são bem vingativos um com o outro, e Tom parece que
tem pouco cérebro.” Os dois riram em couro.


Isis: “Sim
vamos voltar para nossa cessão VOLTANDO A NAMORAR?”


Georg: “É
melhor mesmo por que eu to adorando fazê-la”.


“KKKKKKK”.
Os dois riram alto e ao mesmo tempo.


“Georg,
espera um pouco.” Ele não parava de me beijar. “Como sabia que eu estava com
raiva?” ele me olhou sorrindo.


“O Tom me
contou. Disse que estava brava e não queria me ver.”


“Ah tá.”


Resumindo o
Tom havia feito nós dois voltarmos a ficar como sempre, sem mais brigas. Nota:
Lembrar de fazer algo bom para Tom, algum dia.


Isis: “Quem
mandou parar de me beijar? CONTINUA AGORA.” Falei fazendo biquinho.


Georg e Isis
dormiram juntos mais não fizeram nada apenas ficavam falando um para o outro o
quanto se amavam!!


Jantando com Zac





Ok, aqui estava eu, no
elevador indo para um encontro com um namorado que tive na adolescência, sim, o
Zac não era qualquer namorado, foi meu primeiro amor, e quando minha mãe me
disse que o primeiro amor nunca se
esquece,
eu apenas concordei, e agora eu já nem escondo isso, eu nunca me
esqueci dele. Sinto como se metade de mim tivesse quebrada, não queria ter
brigado com o Tom, desde que cheguei na Alemanha tudo passou tão rápido, era
normal eu me apaixonar várias vezes mas pelo Tom não foi instantâneo foi algo
que realmente mexeu comigo, algo especial, até comparado ao Zac, mas eu não
queria que o Tom fosse assim impulsivo e infiel, não queria ninguém assim, só
para me magoar. Eu não sobreviveria a tanta dor. Acho que aceitei sair com o
Zac porque sentimentos como aqueles que um dia senti e vivi, nunca morrem e
parecem ter voltado para tomar conta de mim.






O elevador
abriu no térreo, e Luisa saiu exaltando elegância, aquele vestido tinha sido
para aquela noite, talvez perfeito para sair com o tal Zac. Ele estava
esperando ela, encostado no seu Audi S4 preto, seus olhos brilharam quando
encontraram os da garota, depois de alguns segundos a olhando se aproximar
desviou o olhar para seu corpo, o seu vestido mostrava suas curvas por ser
colado, disfarçou olhando-a já próxima dele.


“Ah, você
está linda!” ele disse pegando na mão dela e beijando suavemente a costa da mão
dela.


“Obrigada.
Desculpe a demora!”


Zac: “5
minutos é um atraso nada perceptível!” disse sorrindo e abrindo a porta para
ela entrar.


Luisa: “Eu
esperava que sim, mas você percebeu!”


Luisa entrou
no carro e Zac deu a volta para entrar também. Ele então começou a dirigir e
depois de um silêncio desconfortável, Luisa resolveu falar.


“Então,
quando verá a Jessie? Ela ficou um pouco ansiosa para te ver.” Ela disse rindo
e olhando para a janela, enquanto Zac desviava o olhar da estrada para olhá-la.


“Acho que
amanhã... Se não tiver nenhum compromisso inesperado.”


“Que bom,
ela ficará feliz!”


Mais uma vez
o silêncio tomava o carro. Luisa tentou pensar em algo para falar, pois o
silêncio a fazia lembrar a briga com Tom. Ninguém tinha o direito de mentir
assim.


Luisa:
“Pretende me dizer para onde está me levando?”


Zac: “Não
pretendia, mas já que quer saber! Eu reservei uma mesa em restaurante que um
amigo me indicou, um lugar reservado.”


Luisa:
“Humm, parece bom.”


Zac: “Eu
espero que sim, e que você goste.”


Não demorou
muito e Zac estacionou o carro na frente de um restaurante grande de dois
andares, e muito sofisticado.


Luisa: “Uau,
é maravilhoso.”


Zac sorriu
para a cara abobalhada que Luisa fez. Eles entraram e foram levados para sua
mesa reservada da parte VIP no 2º andar. Todos olhavam para ele, Luisa com seu
vestido deslumbrante chamava atenção e com Zac ao seu lado de terno azul e
camisa branca um pouco aberta, calças jeans e sapato social marrom, quase o
casal perfeito. O garçom apenas os levou para o um lugar aberto, onde podia-se
olhar boa parte da Alemanha, as luzes ligadas iluminando a cidade, Zac afastou a cadeira para Luisa sentar, depois
que a menina se sentou ele foi sentar em uma cadeira a sua frente. Zac fez o
pedido, pois o restaurante era tipicamente alemão e Luisa não conhecia as
comidas tradicionais.


Zac: “Então
Luh, o que anda fazendo?”


Luisa: “Bom,
nada demais, só aproveitando a Alemanha com as meninas. Amanhã ensaiaremos pra
abertura do show de Paramore. Temos 2 apresentações e não ensaiamos à 2
semanas.”


Zac: “Que
legal!”


Ficaram em
silêncio por alguns segundos.


Zac: “Você
ainda lembra do ultimo piquenique?”


Luisa que
estava encarando o chão, levantou o rosto sorrindo com algumas lágrimas
insistentes em seus olhos e encarou Zac.


Luisa: “Como
poderia me esquecer? Foi um dia feliz e triste, mas o melhor de todos.”


Zac sorriu.
Luisa se levantou e foi até ao muro baixo do lugar, e se encostou lá, encarando
a bela paisagem, mas com olhos vazios e lagrimados. Zac levantou- se e ficou ao
lado dela, segurando sua mão delicadamente. Aproximou- se e a abraçou, Luisa
encostou o rosto no peito do garoto, e Zac a rodeou com os seus braços,
encostando a cabeça na dela.


Zac: “Eu
senti sua falta.”


Luisa: “Eu
nunca senti tanta saudade de alguém, pensei que não fosse parar de chorar.”


Zac: “Eu
nunca parei de pensar em você. Mas depois de um tempo que paramos de nos falar
pelo telefone, eu pensei que...”


Luisa: “Que
o quê, Zac?”


Zac: “Que
você tinha me esquecido!”


Luisa:
“Como? Nunca poderia. Você é
idiota ou o quê?”


Zac: “Me
desculpe por não ter ficado!”


Luisa: “Eu
sei, me desculpe, ninguém teve culpa.”


Zac: “Mas eu
estou aqui, não estou?!” ele se afastou para olhá-la e levantou seu rosto.


Luisa: “Mas
não ficará por muito tempo.”


Zac: “O
tempo que quiser!”


Luisa abriu
um sorriso largo, e as lágrimas já tinham evaporado. Zac se aproximou
lentamente, Luisa fechou os olhos, em poucos segundos eles já estavam tão
próximos que poderiam sentir a respiração um do outro. Zac encostou sua testa
na dela.


Zac: “Eu
posso.”


Luisa riu.


Luisa:
“Sempre teve permissão.”


Ele então
encostou seu lábio no dela, que automaticamente abriu a boca dando espaço para
as suas línguas se encostarem, causando um arrepio nos dois, um beijo lento e
romântico, suave. Durou mais alguns segundos, quando Luisa abriu os olhos e se afastou.


Eu não acredito! Por
que eu estou com o Zac e imaginando o Tom?



Zac: “O que
houve?”


Luisa: “Nada!
Só estou com fome... O pedido já chegou, vamos jantar, você não quer me ver com
fome.”


Zac: “Ok, eu
ainda lembro de você com fome! Não quero lembrar das suas mordidas, mas senti
saudade delas também.”


Luisa ficou
corada e puxou Zac para a mesa. Se sentaram e ficaram jantando em silêncio e
sorrindo.
-- Oi de novo, meninas está aqui o ultimo capitulo escrito, sério, eu tenho de escrever mais, humm, estou a escrever uma nova fic já está na metade dela, até a semana que vem coloco-a aqui! bjs :* // O Tom merece sofrer um pouco, e desculpe meninas eu ODEIO a Chantelle, é mt ciúmes que tenho do meu SEXGOTT, mas vou dar um fim feliz a participação dela, só isso que aviso, mas ela sofrerá! E humm, dois amores é uma coisa difícil, um do passado e outro do presente, qual será o que continuará para o futuro?! Na minha opinião o passado só é bom para nos ensinar, mas que com o tempo esquecemos... TCHAM TCHAM TCHAM, o que acontecerá?! Fiquem anciosas, Küss LUH --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Qui Ago 06, 2009 11:51 am

e ja estou nsiosa
quero mais mais mais e mais
Amei mais uma vez.
küss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Sab Ago 22, 2009 2:00 am

Ameeiiiii
Quero mais mais e mais
kuss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
Luisa.Isis.Belle.BR
FAN'atic
FAN'atic
avatar

Número de Mensagens : 56
Idade : 24
Localização : São Luis, MA, Brasil ou no quarto com os TH
Membro preferido: : Luh: Tom/ Isis: Georg/ Belle: Bill
Música/Video : Luh: Rescue me, Geh, SCREAM e In die Nacht (nesse momento)/ Isis: SCREAM, Monsoon, Rette mich.../ Isabelle: Durch den Monsun, SCREAM, Rette mich! xD
Sou fã desde: : Desde 2009, ou antes mesmo de descobrir que o Bill era um menino. Não importa quando e sim que gostamos, e muito, AMAMOS.
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Sab Ago 29, 2009 12:34 am

O jantar romântico de Isabelle


Bill foi
para casa, e ficou feliz em ver que não tinha ninguém. Então tinha que correr,
arrumar a casa ou pelo menos algum local e convidar Isabelle, fazendo de algum
modo ela vir sem contar nada. Ele foi até uma floricultura, que era a única
aberta, a mesma em que ele tinha ido de manhã.


Bill: “Olá
quero um buquê com 5 flores de 10 tipos diferentes. E também um buquê com 50
rosas vermelhas.” Ele falou apressado e ofegando, com uma expressão apavorada.


A
recepcionista era a mesma.


Recepcionista
“Audrey”: “Oi Bill, boa noite. Só isso, tem certeza? Eu lhe ofereço o que
quiser.” Ela disse tudo diretamente e forçando a blusa pra baixo aumentando o
seu decote.


Bill: “Olá,
boa noite, SÓ ISSO. E, por favor, seja rápido que eu não posso perder meu tempo
com ofertas indesejáveis, só quero gastá-lo com minha amada Isa!”


A
recepcionista o olhou assustado e fez tudo rapidamente. Bill pagou e saiu de lá
sem nem olhar para trás e a recepcionista ficou boquiaberta sem falar mais
nada.


Chegando a
casa parou alguns minutos em pé pensando no que faria para ela. Então abriu um
grande sorriso ao ter uma idéia “brilhante”. Bill arrumou a casa inteira,
colocou pétalas de rosas em cada canto da casa, mas a mesa próxima a piscina
era o lugar ideal para aquela noite, coberta por uma toalha de mesa branca e
com velas aromatizadas dando um ar romântico à mesa. Pétalas por toda a piscina
e da porta da frente até a mesa , trilhava o caminho por onde ele desejava que
Isabelle passasse.


Ele não era
um chefe na cozinha, mas sabia fazer algo para um jantar. Então fez algo
prático, um spaghetti. (xD)


Seu coração
batia acelerado, mas ele sabia que era a hora de ligar para Isabelle.


*Ligação*


Bill: “Oi Isa, sou eu, o Bill.”


Isabelle: “Olá
Bill, eu recebi suas flores, obrigada, elas são lindas! Um dia quero mesmo
saber o que tem escrito naquele cartão!”


Bill: “Por
que não vêm até aqui, e talvez hoje seja o dia!”


Isabelle: “Ok,
eu vou agora mesmo. Até porque temos muito para conversar!”


Bill: “Eu
sei! Vou esperar!”


Isabelle: “Adeus.”


Seu coração
se tornava cada vez mais incontrolável, e ele já não sabia, mas o que falar
para Isabelle! Se desculpar e falar sobre seus sentimentos seriam o bastante?


Jantando com o Zac - Parte II


Já tinham
terminado o jantar.


Zac: “Você
realmente nunca me esqueceu?”


Luisa: “No
começo, nem por um segundo, mas depois eu só tentava não lembrar.”


Agora, eu nem consigo
prestar atenção em nada, só pensar em outra pessoa, outro garoto, que não se
chama Zac.



Zac: “O
ultimo piquenique...” ela o interrompeu.


Luisa: “Na
ultima vez que nos vimos.”


Zac: “Sim,
foi o melhor momento de todos.”


Luisa: “Er,
é claro!”


Nossa, eu nem estou
sequer pensando! Bem, estou, mas não consigo me concentrar mais aqui.



Luisa: “Eu
acho que é melhor irmos, as meninas vão ficar estressadas se amanhã eu acordar
cansada ou tarde e me atrasar pro ensaio.”


Depois de mais
algum tempo, alguns minutos, eles pagaram a conta e foram embora. Chegando lá
já estava tarde, o silêncio predominava nas ruas um pouco quieta, mas não
vazia.


Zac:
“Obrigada, por aceitar meu convite! Foi muito bom passar algum tempo com você!


Luisa: “Foi
muito divertido.” Ela forçou um sorriso.


Zac: “Aqui
está meu telefone, se quiser me ver de novo quando estiver menos ocupada.” Ele
entregou um papel pra ela.


Luisa: “Ok,
por que não, não é?! É sempre bom rever antigos amigos. Boa noite!”


Zac:
“Amigos?! Er, eu quero dizer, boa noite L.”


Luisa:
“Adeus, Zac.”


Não eu não poderia
dizer palavras que não queria dizer a ele, e ainda fingir que somos
apaixonados, eu simplesmente não poderia fingir.



Sai do
carro, após dar um beijo no rosto de Zac, que sorriu e puxou meu braço quando
eu abri a porta.


Zac: “Um
beijo de despedida?!”


Ele me puxou
antes que eu pudesse responder, selou nossos lábios e uniu nossas línguas,
mesmo não gostando dele como antes não hesitei em retribuir aquele beijo suave,
e muito melhor do que algum dia foi.


Ele beija bem, mas não
melhor que o Tom. Mas que merda é essa? Por que eu fico comparando eles? Ah Meu
Deus me dá uma força.



Então eu
quebrei o beijo e sorri timidamente saindo do carro em seguida. E sussurrando
um adeus! O carro de Zac já tinha saído de lá e eu ainda estava parada em
frente ao hotel, pensando. Eu me sentia mal, mal por tudo. Por ter visto fotos
do Tom comigo e com a Ann Katrin, por ter visto o Zac depois de tantos anos,
por ter brigado com o Tom, e por ainda amar ele, sim amar. Eu amo ele
incondicionalmente, inexplicavelmente e irredutivelmente. Foi algo instantâneo,
ele simplesmente é um macarrão instantâneo dissolvido em uma água chamada
Luisa, desde a primeira vez. [ comparação ridícula Razz]. Parecia uma miragem, ou
um filme a rua silenciosa e na mesma calçada estava ele, aquele dreads loiro,
na minha frente, com um olhar triste, meio cabisbaixo, com um capuz na cabeça,
ele não tinha trocado de roupa era como se tivesse me esperando voltar. Ele se
aproximou vagarosamente e minha vontade era sair correndo e abraçá-lo enchendo
de beijos todo o seu rosto.


Luisa:
“Tom...”


Tom: “É
isso? O fim mesmo, você nunca será nada pra mim mesmo, nunca me dará uma
chance?! Ficará saindo com esse cara aí?”


Luisa: “Você
não sabe de nada!”


Tom: “Você
acha que eu minto, e não acredita em nada que eu falo.”


Luisa: “Como
poderia, desde quando eu te vi com a Ann eu não consegui acreditar em você,
você me fez perder minha confiança quando eu estava começando a gostar de você.
E depois de tudo não me contou sobre a banda.”


Tom: “Você
tem que entender o porquê! Eu não sei como explicar! Já cansei de tentar fazer
você entender.”


Luisa:
“Talvez seja difícil de nós dois nos entendermos Tom, você não quer me ouvir e
eu também não quero mais ter de te escutar.”


Tom: “Tente
me explicar algo mais sensato do que só me culpar. Tente me explicar algo sem
ter que me magoar. Se queria que eu me sentisse mal por fazer algo sem pensar,
fique feliz, você conseguiu.”


Luisa: “Eu
não quis te magoar quis te esquecer. Quis ficar feliz. Porque desde uns tempos
pra cá, o tempo em que você apareceu, eu nunca mais me senti feliz. Você me
magoou se quer saber?!”


Tom: “Nós
nunca vamos nos entender. Me desculpe por entrar na sua vida e torná-la triste.”


Luisa: “Não
mesmo, e só o que eu faço todo dia é ter uma nova briga com você e isso não é
legal. E nem descobrir algo por outras pessoas além da que deveria contar.”


Tom: “E não
é legal ter de te ouvir gritar e beijar outro na minha frente. Eu não quero te
perder, mas você simplesmente não facilita e não esquece.”


Luisa: “Não
me ouça gritar, e nem me veja chorar, eu não beijei ninguém, fui beijada e foi
bom. Não tem como esquecer, não me peça algo que nem você fará. E realmente não
vamos nos entender.”


Tom: “Então
porque não deleta, me esquece e me tira da sua vida. Acho que é o melhor para
nós. Viu? Eu posso esquecer.” Ele se virou para ir.


Luisa:
“Tom.” E depois virou-se para olhá-la. “Volte para suas loiras falsas. E me
esqueça, seu imbecil.”


Tom: “Pode
deixar. E continue com aquele gay, ele com certeza vai entender suas loucuras.”


Luisa: “Não
tem como perder algo que nunca teve”


Tom: “Ou
algo que simplesmente não existiu você não existe mais pra mim!” ele disse isso
com muita raiva e dor. Luisa trincou o maxilar, forçando para conter as
lágrimas que preenchiam seu olhar triste. Viu-o partir e depois subiu para seu
quarto. Entrou e trancou a porta, as lágrimas já eram inevitáveis, então ela
chorou baixo e depois começou a aumentar a intensidade, já não controlava os
soluços e pequenos gritos, ela tirou os sapatos e jogou-os longe, caiu de
joelhos no chão abraçando sua barriga, doía muito brigar com alguém que ela
amava tanto, ela odiava a si mesma quando se tornar tão difícil de ser
entendida ou quando era a culpada por tudo. Depois de 1hora deitada no chão,
Luisa levantou-se tirou a maquiagem, nem trocou de roupa só pegou seu Ipod e
deitou na cama se cobrindo pelo frio que fazia em seu quarto, ela começou a
chorar baixo ao ouvir a música que começava a tocar no aparelho.





Comparações
são facilmente feitas,
Uma vez que você prova a perfeição
Como uma maçã pendurada em uma árvore
Eu peguei a mais suculenta
E eu ainda tenho a semente

Você disse 'siga em frente'
Para onde vou?
Eu acho que o segundo melhor
É tudo que eu vou conhecer






Cada palavra da música fazia ela lembrar da briga e de como as coisas
nunca foram fáceis pra ela, parecia não ter muita sorte no amor, ela sempre se
desapontava e era deixada, sem quase nenhuma razão. O destino dela era viver
solitária?






Porque
quando eu estou com ele
Eu estou pensando em você
Pensando em você
O que eu faria se
Você fosse o tal
Que estava passando a noite
Ah, eu queria que eu
Estivesse olhando nos seus olhos






Agora pensava em Zac! Que nojo ela tinha de lembrar disso!



[...]Ele
beijou meus lábios
Eu provei da sua boca[...]



Era
realmente triste, só de pensar em viver sem ver o Tom, nem mesmo mais uma vez.


[...]Você é o melhor
E sim eu realmente me arrependo
Como eu pude me deixar
Deixar você ir
Agora a lição está aprendida
Eu toquei isso e eu fui queimada
Ah eu achava que você devia saber...

Porque quando eu estou com ele
Eu estou pensando em você
Pensando em você
O que eu faria se
Você fosse o tal
Que estava passando a noite
Ah, eu queria que eu
Estivesse olhando nos...

Seus olhos,
Olhando nos seus olhos
Olhando nos seus olhos
Ah você não vai entrar aqui?
Derrubar a porta e ...
Me levar para longe?
Ah, sem mais erros
Porque nos seus olhos eu gostaria de ficar.






Essa música
realmente parece ter sido feita para ela, parecia que falava sobre tudo o que
acontecera, sobre o tal triângulo. Mas ela também só piorara a situação, pelo
menos durante essa música, até que Luisa finalmente dormiu. Ela acordou de
madrugada ainda estava escuro, o pesadelo tinha a assustado, então ela foi
ligar pra amiga Isis sem nem saber onde ela poderia estar naquela hora.



-- Desculpe a demora para postar novos capitulos, esperam que entendam que a escola está nos enlouquecendo, estudando que nem condenadas... xD Espero também que gostem e chorem um pouquinho! Very Happy Depois coloco mais, COMENTEM! LUISA --
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vampirinha kaulitz
Forever Addicted
Forever Addicted
avatar

Número de Mensagens : 318
Idade : 25
Localização : onde o bill estiver eu estou com ele.
Membro preferido: : bill
Música/Video : rette mich/don´t jump
Sou fã desde: : 15 de junho de 2007
Data de inscrição : 11/01/2009

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Sab Ago 29, 2009 12:05 pm

amei
lindaaaaah
continua
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Engel Verkleidet .
Tokio Hotel Army Proud Member
Tokio Hotel Army Proud Member
avatar

Número de Mensagens : 749
Idade : 21
Localização : Na cama com o Tom..
Membro preferido: : Tom Kaulitz *-*
Música/Video : Todas/Todos
Sou fã desde: : 2005/2006
Data de inscrição : 29/09/2008

MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   Sab Ago 29, 2009 7:18 pm

QUERO MAIS!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.tomzinhatomkaulitz.hi5.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Cantoras de sorte...   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cantoras de sorte...
Voltar ao Topo 
Página 3 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Entre os baixistas que cantam qual tem a melhor voz?
» As + odiadas pelas fans dos Tokio hotel.
» Tokio Hotel na lista dos 44 cantores mais queridos do Brasil
» SANYO JCX 2100 KZ ( Existem horas de sorte)
» A sorte do tipo das Pizzas

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Imagination Area :: Fan Fiction-
Ir para: